sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Então... Que venha 2010...

E acaba de passar diante de nossos olhos mais um ano. Ano esse que na agonia do mundo moderno, correu tanto que nós mal o vimos passar. Essa postagem começou séria... Mas não se assuste caro leitor, você não errou de blog. Acontece que, sabe como é: ano novo, o blog tem que estar de cara nova (mentira, foi coincidência a vontade de mudar o blog com a virada do ano). Mas calma!!! Mudou só a forma, não o conteúdo!
Comecei falando sobre o finado ano, mas onde quero mesmo chegar é no Reveillon (se estiver escrito errado a culpa é do Google). Quem acompanha esse blog desde o começo já percebeu que o que lhes fala (ou escreve, que seja) sempre observa o que acontece ao seu redor. E duas coisas me fizeram refletir nesse 31 de dezembro e hoje mesmo.
Estava assistindo um jornal de meio-dia que mostrava o Mercado de São José, onde os galináceos eram os produtos menos procurados. Isso devido àquela história de que comer galinha vai fazer o ano "andar pra trás", já que as galinhas ciscam. Eu considero isso desculpa pra não comer galinha, coisa consumida durante o ano todo, e gastar mais dinheiro comendo peixe pro ano novo ir pra frente. O caro leitor está se perguntando o meu argumento para falar isso e eu vou dizer. Pense comigo. Se o animal que você come no Reveillon vai mudar o rumo do ano novo, então deveríamos comer um cavalo. É tão simples, o cavalo anda pra frente e quem vier atrás leva coice. Ia ajudar bastante.
Outra coisa que aconteceu hoje pela manhã me deixou curioso. Acontece que ontem o bairro onde moro estava silencioso demais pra uma virada de ano. É tradicional por aqui alguns bebuns ouvindo músicas de tudo quanto é tipo deixarem a noite barulhenta. Vou até transcrever uma das playlists: começou com Slipknot, passou pra Roberto Carlos, samba, forró, brega, System Of A Down e terminou com Ray Charles!!! São bebuns ecléticos!!! Mas voltando ao assunto. Depois dessa noite silenciosa, amanheceu uma manhã barulhenta. As pessoas estavam bebendo como se ainda fosse o dia 31!!! Pensei que estava preso no tempo, mas quando consultei meus bônus do celular vi que eles já haviam expirado. Isso prova que não tem tempo parado que faça as operadoras cortarem o bônus diário.
Mas diante de todas essas coisas acima narradas, uma outra coisa me fez pensar. Acontece que uma amiga minha que também é uma leitora desse blog me falou uma coisa que ainda está na minha cabeça. Ela é uma das conhecidas ex-DDDs, falo de Elizabeth. Conversava com ela quando ela disse que não queria que o ano acabasse porque ela não ia poder mais desenhar um gatinho no número 2009 no caderno. Isso me fez pensar e chegar a uma conclusão. Esse ano foi memorável não?

Nenhum comentário:

Postar um comentário